MACEIÓ: CONHEÇA AS PRAIAS E PISCINAS NATURAIS DO CARIBE BRASILEIRO

Pajuçara
Centro Histórico De Maceió
Caldo De Sururu

Maceió é considerada o Caribe Brasileiro por suas praias paradisíacas e piscinas naturais. Além do visual caribenho, a capital de Alagoas também tem uma gastronomia diversificada e um folclore rico em manifestações culturais. Confira alguns lugares imperdíveis que você precisa conhecer e o que fazer quando for a Maceió.  

A capital de Alagoas é contemplada por um litoral de 40 km. Suas águas de cores azul-turquesa e verde-esmeralda lembram paraísos caribenhos.

Além de Maceió, a beleza se estende pelos litorais Norte e Sul, que reúnem destinos tão lindos quanto a capital e que valem a pena conhecer.

Além das praias, a gastronomia também faz muito sucesso em Maceió. A variedade vai desde pratos típicos, como o Sururu de Capote, até a sofisticada culinária peruana. Afinal, Maceió tem um dos melhores restaurantes peruanos do Brasil, o Wanchaco.

Ademais, a noite na capital alagoana também está repleta de opções. Você pode curtir baladas agitadas ou bares com música e dança típicas, por exemplo.

Se você sonha em conhecer Maceió ou já está com a passagem comprada, então, essas dicas de viagem sobre a capital alagoana são ideais para você. Continue a leitura!

O que fazer em Maceió: praias e piscinas naturais

Maceió está localizada entre o Oceano Atlântico e a Lagoa Mundaú. Além disso, a capital alagoana possui várias piscinas naturais formadas por seus inúmeros recifes de corais.

As piscinas naturais mais procuradas pelos visitantes estão na Praia de Pajuçara e no município de Maragogi, a 130 km ao norte de Maceió. Por isso, uma das atrações obrigatórias em Alagoas são os passeios de jangada até as piscinas naturais, a alguns quilômetros mar adentro.

Os passeios partem apenas durante a maré baixa. Mas vale a pena acordar cedo para ir nas primeiras horas da manhã! Aliás, o custo benefício também é ótimo: cerca de R$ 30 por pessoa.

Além de Pajuçara, a capital alagoana ainda conta com as praias de Ponta Verde e Jatiú­ca. As três, aliás, dividem os seis quilômetros da orla de Maceió com calçadão, bares e restaurantes.

Mas para quem curte algo mais agitado, o destino é a Praia do Gunga. Localizada no litoral sul do Estado, a 40 km de Maceió, a Praia do Gunga é cercada por barzinhos animados. Lá, você encontra o melhor passeio de quadriciclo do país. O preço médio de R$ 90 por veículo, independente da quantidade de pessoas!

Mas para quem prefere uma opção mais tranquila a Praia de São Miguel dos Milagres, a 106 km ao norte de Maceió, é perfeita para fugir do stress e relaxar. Se você procurar com antecedência, é possível encontrar hospedagens no valor de R$ 125 a diária.

Para aproveitar ao máximo todas as belezas da região, é bom prestar atenção na época do ano da sua viagem.

Sem dúvida, a melhor época para conhecer Maceió é entre os meses de setembro e março, que é quando o tempo é mais firme e as temperaturas variam entre 20°C e 32°C.

História e artesanato em Maceió

Para quem gosta de História, o Centro Histórico de Maceió é parada obrigatória.

A região oferece uma arquitetura rica, formada por igrejas centenárias e casarões do período colonial. Além disso, antigos armazéns de cana-de-açúcar transformados em bares, restaurantes e centros culturais são uma verdadeira viagem no tempo!

E para comprar aquela lembrancinha, os melhores endereços são as feirinhas da Praia de Pajuçara e o Mercado do Artesanato.

Lá, você encontra várias lojinhas com opções para todos os tipos de presentes. Elas vendem desde artesanato, como cerâmicas e rendas de bilro, até iguarias regionais, como castanha de caju e pimentas típicas. 

Gastronomia em Maceió

Em Maceió, não faltam opções para quem quer experimentar uma boa comida típica.

Um dos restaurantes mais conceituados nesse quesito é Bodega do Sertão. Com um estilo rústico, a cozinha trabalha apenas com ingredientes nordestinos e serve café da manhã, almoço e jantar.

Na Bodega do Sertão, você encontra desde pratos feitos à base dos frutos do mar até pratos da culinária local. Não deixe de provar o Baião do Mar, que é o famoso Baião de Dois nordestino reinventado, onde o camarão e o polvo são os protagonistas. Aliás, outra dica, é degustar um caldinho de sururu e uma boa peixada. Ambos são de dar água na boca.

Mas se você preferir uma culinária mais sofisticada, o restaurante peruano Wanchacoda família Bert, está entre as melhores cozinhas peruanas do Brasil. 

A noite de Maceió

A noite em Maceió é bastante eclética e cheia de boas opções!

Um dos lugares mais badalados é o Boteco Lugar Nenhum, que tem um cardápio recheado de comidas típicas de boteco e opções de cervejas artesanais. Você pode curtir tudo isso com jazz ou até mesmo um chorinho, dependendo do dia.

Mas se você gosta mesmo é da dançar, a  Orákulo Chopperia é a opção perfeita. A programação é variada: de forró a tributo a Raul Seixas, agradando todos os gostos.

Outra opção bastante frequentada é a Casa de Shows Maikai, com música eletrônica que vai até de manhã.

Por fim, na capital alagoana, também tem a franquia Pink Elephant, com um estilo mais sofisticado, e que, dependendo do dia, é possível encontrar até mesmo um bom e velho forró nordestino.

Animado para conhecer Maceió e curtir suas praias, piscinas naturais e as várias opções de diversão da cidade?

Então, aproveite tudo e embarque sem se preocupar com imprevistos. Confira nosso comparador gratuito de seguro viagem e encontre o menor preço e a melhor opção para você.

Casa De Shows Maikai

FONTE: ASSISTENTE DE VIAGEM

About Luiza Melo

Check Also

Caraíva: O que Fazer, Praias e Como Ir – Litoral Sul da Bahia

Já conhece Caraíva, um paraíso sem muita infraestrutura no litoral sul da Bahia? Pois é, Caraíva …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *