Suíça muda regras para entrada de turistas devido à ômicron, veja quais são:

Desde sábado (4), a Suíça aumentou a exigência de testes que detectam a covid-19 para a entrada de turistas no país. Com a mudança que tem por objetivo conter o avanço da variante ômicron do coronavírus, visitar o território ficou ainda mais caro.

Zurique, na Suíça: País passa a exigir novos exames de turistas e viagem fica mais cara - Getty Images/iStockphoto

Viajantes que pretendem visitar as paisagens suíças devem apresentar o resultado de um exame do tipo PCR negativo colhido até 72 horas antes do embarque. Além disso, outro teste — de antígeno ou PCR — deve ser realizado entre o 4º e o 7º dia após a chegada.

Os resultados devem ser apresentados no centro cantonal correspondente à localidade do país em que o passageiro se encontrar. A lista de contato de cada autoridade cantonal está disponível no site do Escritório Federal de Saúde Pública da Suíça. Estrangeiros que não apresentarem seus exames estão sujeitos à multa.

Os custos de testagem devem ser pagos pelo visitante, com valores nos centros de referência que variam de 45 francos suíços (R$ 276) a 400 francos suíços (R$ 2.457), para casos de coleta domiciliar. O governo suíço também disponibiliza a relação dos locais de testes reconhecidos através de suas autoridades de turismo.

Ainda é parte do protocolo de entrada a exigência do formulário preenchido até 48 horas antes do desembarque no país. Para circular e entrar em locais públicos fechados como restaurantes, hotéis e museus, é necessária a apresentação do certificado de vacinação suíço contra a covid-19.

Viajantes imunizados fora da União Europeia com as vacinas da Pfizer, AstraZeneca, Janssen, Moderna, Covaxin, Sinovac (CoronaVac) ou Sinopharm precisam pedir a conversão dos documentos de vacinação do país de origem para o formato suíço. O processo leva até cinco dias úteis e a emissão do documento custa 30 francos suíços, cerca de R$ 180.

Fonte: Uol

Check Also

MTur investe R$ 1,3 milhão na construção de portais turísticos em três estados

Um investimento de R$ 1,320 milhão do Ministério do Turismo vai permitir que cinco municípios …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.