Conheça Ilha Grande, o paraíso entre Rio e São Paulo

A história da paradisíaca Ilha Grande, a maior (e mais famosa) entre as 365 ilhas da baia de Angra dos Reis, no Estado do Rio de Janeiro, não faz jus a sua beleza. Descoberta em 1502, a Ilha Grande viveu inúmeras batalhas envolvendo piratas, portugueses e escravos. Já no século 20 a Ilha viu nascer em seu território um importante presídio que recebeu presos políticos. Algumas décadas depois os políticos foram substituídos por grandes traficantes.

Entretanto, terminava ali a violenta história deste paraíso. Hoje, a Ilha Grande encontrou no turismo sua atividade econômica.

ONDE FICA

Localizada bem próxima do continente, a Ilha Grande é acessada somente por barcos. Ou seja, os acessos mais fáceis são pela cidade de Angra dos Reis (para quem vem de São Paulo); bem como Mangaratiba (para quem vem do Rio).

O principal destino da ilha chama-se Vila do Abraaão, endereço das principais pousadas, restaurantes e de onde saem os barcos para os tours de bate e volta. De Mangaratiba ao Abraão são, aproximadamente, 1h de barco. De Angra do Reis, no entanto, a viagem demora um pouco mais.

Há barcas governamentais com saídas regulares, porém há outros barcos fazendo charteres e que levam os turistas a Abraão e a outras praias da Ilha.

Se na Vila da Abraão estão as principais pousadas, os hotéis mais luxuosos (resorts e boutiques) estão espalhados pelas praias de dentro (aquelas que ficam abrigadas). Essas praias têm acesso, na grande maioria, pela vila do Abraão ou Mangaratiba.

Praia em Ilha Grande

O QUE FAZER

A partir do Abraão é possível fazer quase todos os passeios possíveis da Ilha Grande, com exceção das praias com acesso proibido. E os passeios podem fazer feitos ou a pé ou de barco! É possível, inclusive, fazer uma volta pela Ilha de lancha parando nas principais praias – ideal para quem nunca esteve neste paraíso ou tem poucos dias e quer dar um overview do paraíso.

Porém tem algum redutos que são imperdíveis. E vamos tentar mostrar aqui alguns roteiros e passeios que você não deve deixar de fazer em sua viagem pela Ilha.

Volta à Ilha Grande

É o passeio mais completo e ideal para quem nunca pisou na Ilha Grande e não deve voltar tão cedo. O tour leva o dia todo e conta com 5 paradas de cerca de 50 min: Caxadaço, Parnaioca, Aventureiro, Meros e Maguariquessaba. Existem várias empresas no Abraão que fazem este passeio e o preço gira em torno de R$150 por pessoa.

Meia volta à Ilha Grande 

Esse passeio passa por toda a parte norte da Ilha Grande, aquela com mar abrigado e águas calmas. As praias e ilhas mais bonitas da região ficam neste lado e este é, sem dúvida, o passeio mais procurado em toda ilha. São também cinco paradas: Lagoa Verde; Lagoa Azul; Saco do Céu; Praia do Amor e Praia da Camiranga. Diferente do passeio completo, a meia volta tem como parada para o almoço na paradisíaca Saco do Céu. Os preços para este passeio estão em torno de R$100.

Lopes Mendes 

Lopes Mendes, a principal praia em Ilha Grande

Essa praia está constantemente entre as mais bonitas do Brasil. E não é de hoje que ela encanta. Lopes Mendes era o reduto preferido de Ayrton Senna para repor as energias. Aliás, ela ficou famosa por conta do piloto. Naquela época era uma deserta praia de difícil acesso, com extensa faixa de areia branca e um mar de água verde que, por vezes, está com ondas. Hoje ela preserva as mesmas características.

E para chegar até este paraíso a maneira mais fácil é indo de barco (40 min) até a Praia dos Mangues e de lá uma caminhada de 20 min até a praia. É possível também fazer todo este trajeto a pé, mas prepare-se para andar (e muito!). Os barcos saem de manhã e voltam no final do dia e custam em média R$30 por pessoa. Mas como não há bares nem quiosques é bom levar seu próprio alimento, pois não há ambulantes no caminho nem na praia!

Lagoa Azul 

A Lagoa Azul é a atração mais famosa da Ilha Grande e merece, com honra, esse título. E você pode conhecer no passeio de meia volta à Ilha ou mesmo um passeio exclusivo, como esse. Neste tour o barco costuma passar pela própria Lagoa Azul, Japariz (almoço), bem como Saco do Céu. Os passeios são feitos, geralmente, em escunas, mas também rola tours em barcos privativos. Esta é uma boa dica para quem quer curtir um dia tranquilo no barco, contemplando o visual e as belezas naturais deste paraíso, assim como relaxar e ver o tempo passar. Este passeio custa, em média, R$50.

Cachoeira da Feiticeira

Esse é um dos passeios gratuitos mais procurados na Ilha, mas requer disposição para encarar toda trilha. Da Vila do Abraão você vai precisar seguir pela rota T2. É bem sinalizada e você não deve ter muito problema para checar à cachoeira, embora o acesso até lá não seja dos mais fáceis. Quem não desejar fazer a trilha a partir de Abraão pode optar por tomar um barco até a Praia da Feiticeira. De lá basta seguir pela trilha que tem duração de meia hora e conta com belíssimos mirantes para apreciação. Uma boa desculpa para você parar, tirar fotos, repor energias e seguir caminhando até a cachoeira.

FONTE: VOOPTER

About Luiza Melo

Check Also

Caraíva: O que Fazer, Praias e Como Ir – Litoral Sul da Bahia

Já conhece Caraíva, um paraíso sem muita infraestrutura no litoral sul da Bahia? Pois é, Caraíva …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *